Abertas até 15 de junho inscrições para seleção de estagiários na ONU

A Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR) e o Ministério das Relações Exteriores (MRE), abrem de 1º a 15 de junho de 2010, o 2º processo de seleção para 3 estudantes negros (pretos epardos) cursando mestrado ou doutorado na área de Cuências Humanas ou Sociais, interessados em estagiar na Delegação Permanente do Brasil em Genebra, Suíça e acompanhar as atividades do Alto Comissariado de
Direitos Humanos das Nações Unidas (ONU).



O estágio terá duração de três meses (ano de 2011), não será remunerado e está inserido no Programa de Formação Complementar e Pesquisa na Área de Direitos Humanos da Agência Brasileira de Cooperação, que oferecerá os recursos para passagem, hospedagem, alimentação e transporte dos candidatos selecionados. A análise dos currículos será realizada por Comissão Científica composta por representantes dos Ministérios proponentes e da Sociedade Civil.


Os pré-requisitos para as vagas são:


• Ter idade máxima de 35 anos;
• Ter concluído ou estar em vias de concluir pós-graduação (“stricto sensu”) em área conexa aos temas abrangidos pelo programa de formação complementar e pesquisas humanas e
sociais;
• Ter domínio comprovado da língua inglesa;
• Ter disponibilidade de dedicar-se em tempo integral.


Para candidatar-se ao programa, o estudante deverá enviar até dia 15 de junho o currículo pelo e-mail

seppir.onuestagio@planalto.gov.br

Comunicação Social/ SEPPIR

Exibições: 32

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Comentário de Cristiano de Oliveira e Silva em 5 junho 2010 às 15:29
Ótima oportunidade, pena que uma pequinina parte da populaçao negra, tem nivel superior, imagine mestrado ou doutorado e dominio da lingua inglesa, mas valeu a intensão e aproveitem
Comentário de Mria das Graças R Santana em 3 junho 2010 às 1:49
A oportunidade é ímpar uma conquista para nós, afrodescendente, porem concordo com a opinião de Luis Roberto, porque esse limite de idade? é preciso rever essas contradiçoes.
Comentário de yuci em 2 junho 2010 às 11:08
Olá Luís concordo com voçê!
Mas vida é assim nem sempre é possivel infelizmente agradar a todos, pensando em algumas vezes nos contextos e objectivos das iniciativas!

bfa
Yuci
Comentário de Luís Roberto Nunes Ferreira em 2 junho 2010 às 10:05
Não gostei do limite da idade, abaixo a discriminação da idade; se no Brasil homens se aposentam com 70 anos e mulheres com 65 salvo o engano. Significa dizer que essas pessoas ou de mais idade estão aptas a trabalharem seja qual for o posto, até por que tem muitas pessoas "idosas" na universidade. Imaginem a área Ciências Humanas e Sociais! Já começam assim discriminando!

Um abraço, Luís Ronufe.
Comentário de yuci em 2 junho 2010 às 0:40
Otimo!
Estamos de parabens
pela grande conquista!!!!!!
Comentário de Herlany Meyre Boa Morte em 1 junho 2010 às 20:18
muito interessante a iniciativa.Podemos perceber que aos poucos vamos abrindo novos horizontes para população negra nesse país.A luta continua para q tenhamos cada vez mais oportunidades.
AXÉ!
Comentário de Elisabeth de Camargo Francisco em 1 junho 2010 às 18:33
Fantástica oportunidade, graças a Deus esta se abrindo novos horizontes para nossa raça.

Fico muito feliz!!!!!!! Gbá Mio

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2019   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço