A presidente do Brasil, Dilma Roussef, chega nesse domingo, 08, na capital dos Estados Unidos, Washington D.C para o terceiro encontro com o presidente Barack Obama. Na pauta da reunião assuntos ligados ao campo comercial e participação do Brasil nos temas internacionais e de direitos humanos. A reunião acontece às 15h na Casa Branca.

Um dos pontos de destaques da conversa deve ser o programa Ciência Sem Fronteiras que pretende enviar 100 mil estudantes brasileiros para realizarem cursos no exterior. Na semana passada a ONG Educafro fez um protesto junto ao Governo Brasileiro para que esse programa incluísse um recorte para negros, já que o programa considera apenas desempenho escolar e familiaridade com o idioma inglês. Do lado dos EUA, Obama pretende dobrar o número de estudantes americanos nas universidades do Brasil. Hoje, em média, 40 mil americanos estudam no Brasil e 60 mil brasileiro nos EUA. A presidente vai aproveitar a visita e conhecer duas reitoras que administram as prestigiadas universidades de Harvard e MIT. Em Harvard, ela discursará na Kennedy School of Government.

A expectativa das organizações negras é que dentre as conversas seja anunciada alguma medida sobre o Plano JAPER, assinado em 2008 e que prevê ações de combate ao racismo. Até o momento o plano encontra-se parado e sem a efetiva participação da sociedade civil que no lado brasileiro aguarda a eleição de novos membros, o que já aconteceu com os americanos que elegeram as ONGs Global Watch e TransAfrica para acompanhar o plano. Até o momento a SEPPIR e MRE não se pronunciaram sobre a eleição no Brasil de novos representantes, mesmo os pontos focais tendo colocado os cargos a disposição desde o final do ano passado, após a expiração do prazo acordado entre as partes. O sentimento das organizações é de que o Governo do Brasil não tem dado prioridade ao Plano. No lado americano, o recente caso de Trayvon Martin, jovem negro, de 17 anos assassinado na Flórida, por andar de capuz, acendeu o debate sobre medidas efetivas para o combate ao racismo no país. Espera-se dos dois presidentes uma postura mais firme e efetivação dos compromissos acordados sobre o tema.

Exibições: 79

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2019   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço