Especialista em Direito comenta atos polêmicos de entrega das cidades à Jesus

Recentemente, deixando de lado os princípios do Estado Laico, prefeitos brasileiros, em ações orquestradas, decidiram entregar as chaves de suas respectivas cidades às figuras centrais do Cristianismo. Os atos foram decretados em Sapezal (MT), Santo Antônio de Pádua (RJ), Alto Paraíso (RO), e o de maior repercussão nacional ocorreu no Centro-Sul da Bahia, na cidade de Guanambi. Reflexo da ausência de respeito às liberdades religiosas, as posturas dos chefes do executivo municipal desrespeitam a Constituição Federal, além de estimular à intolerância. Para ampliar o debate sobre o tema, a  repórter Donminique Azevedo, do Portal Correio Nagô, entrevistou o professor de Direito da Universidade Federal da Bahia, advogado e coordenador da Aganju – Afrogabinete de Articulação Institucional e Jurídica, Samuel Vida.

Confira a entrevista no Portal Correio Nagô: https://goo.gl/qXZe0N

Exibições: 27

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

© 2017   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço