Fotógrafo Sérgio Guerra divulga banco de imagens exclusivas em novo portal

 

Foto: Bere Ramos

 

Fotógrafo Sérgio Guerra divulga banco de imagens exclusivas em novo portal

Texto: Santa Clara Comunicação www.agenciasantaclara.com.br

Conhecido por seus retratos do cotidiano de tribos africanas, o publicitário e fotógrafo pernambucano Sérgio Guerra abre, a partir do mês de maio, a venda direta de imagens exclusivas da nação angolana em seu novo portal trilíngue —os textos estão disponíveis em português, inglês e espanhol—, no endereço www.sergioguerra.com. Um banco de dados com mais de mil fotografias que já estamparam sete livros e uma dezena de exposições ao redor do mundo está disponível na página de Guerra na internet, dividindo espaço com sua biografia em forma de linha do tempo.

Sérgio Guerra iniciou seu trabalho com a fotografia no final da década de 1990, quando foi convidado para trabalhar em Angola a convite do INAPEM,  instituto que incentiva pequenas e médias empresas em Angola. Com a deflagração do conflito que assolou o país, a tarefa de desenvolver um programa de comunicação para a nação foi designada a ele, que viajou por todas as 18 províncias angolanas para executar o projeto. Com as viagens, vieram as fotografias que resultaram em seu primeiro livro, Álbum de Família.

No site é possível conhecer também a Fundação Negro Amor, criada pelo publicitário no ano de 2006 com o intuito de contribuir para que populações afrodescendentes conquistem direitos políticos, sociais e culturais e atinjam a cidadania. Naquele mesmo ano aconteceu a maior exposição fotográfica a céu aberto do mundo, Salvador Negro Amor, com fotos do próprio Sérgio Guerra revelando rostos anônimos da população negra da Bahia e de Angola, em 1.500 painéis de grandes dimensões espalhados pela capital baiana, mostrando as similaridades entre os dois povos.

Imagens e outros elementos do extenso portfólio de Sérgio Guerra estão disponíveis no endereço eletrônico, entre eles artigos publicados em revistas e jornais, prêmios, vídeos e campanhas publicitárias. Algumas páginas dos seus sete livros fotográficos também podem ser acessadas no endereço, que oferece links diretos para aquisição das obras.

 

Sobre o banco de imagens

Todas as fotos serão disponibilizadas ao público no formato A3 (297 x 420 mm) e em alta resolução. O mecanismo de busca é simples, e pode ser feito a partir das galerias ou por palavra-chave, bastando clicar sobre a foto escolhida e entrar na opção “comprar direitos”. Feito isto, o internauta deve preencher um formulário básico e enviar a proposta. Recebida a solicitação, serão enviadas as informações de preço e forma de pagamento. O solicitante receberá a foto após a comprovação do pagamento.

Exibições: 991

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2019   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço