Agora é oficial: Joaquim Barbosa é o novo presidente do STF

Ás vésperas do mês da Consciência Negra  ativistas do movimento negro comemoram mais uma vitória. O Supremo Tribunal Federal (STF) elegeu, hoje (10), o novo presidente do Supremo Tribunal Federal para um mandato de dois anos. Pela tradição, que dá o cargo por antiguidade, Barbosa foi escolhido. Até hoje o ministro era  o vice-presidente da Corte. Barbosa deve assumir o comando no próximo mês, quando o atual presidente, o Ministro Carlos Ayres Britto, se aposentará compulsoriamente ao completar 70 anos.

 
Como ocorreu a eleição

A sucessão do comando segue a ordem da antiguidade, ou seja, os Ministros escolhem o mais antigo integrante do tribunal e o segundo mais antigo passa a ser o vice. O critério faz com que o atual vice sempre seja o próximo presidente. Aquele que termina o mandato vai para o fim da fila, para possibilitar a alternância.

Joaquim Barbosa é Ministro do STF desde 2003, nomeado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Barbosa atuou quase 20 anos como procurador do Ministério Público Federal. Ele é doutor e mestre em Direito Público pela Universidade de Paris. Também é mestre em Direito e Estado da Universidade de Brasília e professor licenciado da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Joaquim entra para a história como o primeiro negro a assumir a presidência do Supremo Tribunal Federal do Brasil.

Homenagem nas redes sociais

Uma séride de blogs e fanpages vêm, desde a última semana, fazendo homenagem ao ministro Barbosa. Um site em particular tem dado o que falar: a página "Joaquim Barbosa presidente", que antecipa o pleito de 2014 e faz campanha para que o ministro seja o sucessor da presidente Dilma em Brasília. 

 Em entrevista ao R7, o internauta Marcus Vinícius Saioro de Oliveira comento a possibilidade da eleição de Barbosa: “Um cara que veio lá de baixo e sabe dar valor ao trabalho, à honra e a dignidade. Não vai ser mais um Mauricinho que concorre e depois se dá bem”.

Confira o site que faz campanha para Barbosa clicando aqui

E você o que acha da possibilidade de termos Joaquim Barbosa como presidente? 

Redação Correio Nagô

Com informações G1 , R7 Jus Brasil

Exibições: 1368

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Comentário de Delanir Cerqueira em 13 outubro 2012 às 2:21

Acho que ha uma precipitação de algumas pessoas apresentando o ministro Joaquim Barbosa como candidato a presidência da república. Quem tem que decidir alguma coisa nesse sentido e ele,  não, nós. Respondendo a companheira Maria Helena, não acho vergonhoso dizer que o ministro veio de baixo, isso e motivo de orgulho para o nosso povo sofrido que vive em comunidades, percebo isso nos meus contatos diretos, também sou oriundo de comunidade e não tenho vergonha de falar  do que passei.. A sua coragem ao enfrentar e punir os corruptos e corruptores do mensalão temos que elogiar e aplaudir.O ministro e exemplo e estimulo para nossa juventude. Os orixás lhe protejam. Axé.

Comentário de Instituto Mídia Étnica em 12 outubro 2012 às 20:47

Mais notícia sobre cultura negra, cidadania e direitos humanos em nosso novo portal www.correionago.com.br

Comentário de Nando em 12 outubro 2012 às 2:15

E você o que acha da possibilidade de termos Joaquim Barbosa como presidente?

Péssima ideia,  Se ele se candidatar,  ficaremos sem nenhum negro no STF

Não há nenhum partido bom para ele sair como candidato, são todos partidos corruptos e racistas.

O Melhor é ele continuar como Ministro do STF até se aposentar em 2024, quando completará 70 anos.

Se tivéssemos um partido criado por negros e que lutasse pela nossa causa, ai ele poderia se candidatar.

Comentário de Maria Helena Ramos de Oliveira em 11 outubro 2012 às 22:59

Que venham mais BARBOSAS, precisamos parar de dizer quando um negro se sobressai que ele veio de baixo, que era pobre e que por isso poderia ter escolhido o caminho do crime e bla,bla,bla. Não, como ele muitos outros buscam o melhor para si, para sua família , para a sociedade, para o planeta. Porque não dizer que ele é um homem corajoso, honrado, inteligente, que se apóia em sua integridade. Estes sim são os elementos que devem ser ditos, enaltecer as qualidades que sustentam seu carater. Nos enche de orgulho não só por ser um negro, mas um ser humano na totalidade da palavra SER-HUMANO.

Comentário de Delanir Cerqueira em 11 outubro 2012 às 12:24

Obrigado presidente pela seriedade com que julgas os réus. Eles tem que devolver o dinheiro que nos foi tirado...

Comentário de Delanir Cerqueira em 11 outubro 2012 às 12:20

Joaquim Barbosa e Paulo Paim para moralizar o país!

Comentário de Valter José Cruz em 11 outubro 2012 às 11:45

Joaquim Barbosa  presidente.  Eu acho uma boa, mas Lula não vai gostar nada disso. kkkk

Comentário de Instituto Mídia Étnica em 11 outubro 2012 às 10:31

Leia entrevista com o ministro Joaquim Barbosa, na qual ele denuncia: 

"Todas as engrenagens de comando no Brasil estão nas mãos de pessoas brancas e conservadoras", diz Joaquim Barbosa, relator do Mensalão

http://correionago.ning.com/profiles/blogs/todas-as-engrenagens-de-...

Comentário de Dr.GEORGE VERLLAGUE.: em 10 outubro 2012 às 23:59

Parabens 

meu dileto amigo  Joaquim Barbosa  ou para nós os amigos de estrada JOKA  SRSRSRSR

é isto ai ,é vez da negrada intelectual ,quem sabe nossa versão Obama?

Conte comigo que a graça eo poder do Grande Arquiteto do Universo,cubra nosso irmão de mais sucessos e a cura da coluna .

Comentário de maria olina souza em 10 outubro 2012 às 23:39

Penso que o ministro não deseja a presidência, sua linha de pensamento não me parece  alinhada  à política!

Com certeza , teria mais que o meu voto a minha campanha! 

Algumas pessoas dizem que ele está favorecendo o PSDB, não consigo ver isto, mas estou fazendo leituras para identificar verdades nestas afirmações.

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2021   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço