Jornal A Tarde: São negras 62% das crianças fora da escola

Brasília - Em um Mundo de Diferenças, Enxergue a Igualdade. Esse é o tema de campanha lançada hoje (29) pelo Ministério da Educação (MEC) e a Unicef para alertar sobre o impacto do racismo nas escolas e promover iniciativas para a redução das desigualdades.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que das 530 mil crianças entre 7 e 14 anos fora da escola, 330 mil são negras. O índice representa 62% do total. Para a subsecretária de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente, Carmen Oliveira, a iniciativa é um “puxão de orelha na sociedade em geral e nos responsáveis pelas políticas públicas para o setor”, porque chama a atenção para a criminalização da adolescência negra no país.

A campanha tem como fundamento as dez maneiras de contribuir para uma infância sem racismo. Entre elas, o incentivo ao comportamento respeitoso e à denúncia, além da lembrança de que racismo é crime inafiançável. “Educação é mais do que aprender a ler, escrever e contar. É aprender a viver junto, a não se intimidar diante da opressão e encontrar na vida forças para enfrentar resistências”, afirmou o secretário de Educação Continuada do MEC, André Lázaro.

A campanha terá dois filmes, de 27 segundos e de 30 segundos, veiculados na televisão e na internet. Foi criado também um blog (http://www.infanciasemracismo.org.br/). Na página, o internauta vai poder contar também histórias de sucesso ou de discriminações que tenha sofrido ou presenciado. O blog ficará no ar durante um ano, tempo de duração da campanha.

Fonte: Jornal A Tarde On Line http://www.atarde.com.br/brasil/noticia.jsf?id=5656614

Exibições: 126

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Comentário de Antonio Carlos Silva Ferreira em 15 fevereiro 2011 às 21:26
Oi, Surama. Pegando o mote do Lulu Santos, eu acho que ainda vai levar um tempo pra fechar o que (a escravidão) feriu por dentro (dos negros). Ainda leva uma cara pra gente poder dar risada disso tudo, mas a longa marcha se fará com vários passos e você está dando alguns, contribuindo com a causa. E não há de ser em vão.
Comentário de surama caggiano em 14 fevereiro 2011 às 9:18
Olá Antonio Carlos, tudo bem? pois é! tenho postado essa campanha no facebook, twitter, blogs enfim... em todos os meios de comunicação acessíveis, para que as pessoas percebam a importância e que tenham um conhecimento mais próximo do que é o nosso país, mas sinto em dizer que tenho a impressão que as pessoas continuam a pensar que não tem absolutamente nada a ver com isto! elas se isentam de qualquer tipo de participação em assinar um protesto, manifestação, participação em campanhas como esta da unicef que podem trazer consciência e mudanças para uma sociedade mais justa e igualitária, se é para fazer protestos contra o corinthians e outros clubes e times de futebol e comentar sobre a novela ou big brothers da vida, é impressionante a adesão! mas até agora não obtive sequer um comentário em todos esses meios... acredita? é isso ai... a passos de formiga e sem vontade! abraços
Comentário de Cilene Amorim em 30 novembro 2010 às 6:24
Acessei o blog (http://www.infanciasemracismo.org.br/) e achei interessante. Valeu!

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2019   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço