Jornalista quer mudar Lei Áurea para indenizar proprietários

Nota: matéria veiculada no site www.afropress.com

Rio - A proposta bizarra de mudança da Lei Áurea, para permitir a indenização em dinheiro dos antigos proprietários de escravos por que
teriam sido “lesados no seu direito de posse”, apresentada à Comissão
de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados, tem autor com nome
e sobrenome: trata-se do jornalista carioca Eduardo Banks - MTb
31.111/RJ – o mentor da idéia que tomou forma por meio da Associação
que leva o seu nome.

A proposta foi rejeitada – sem discussão - pelo deputado Paulo Pimenta,
do PT, com base no Regimento Interno da Casa, sob um argumento que, na
prática, nega a evidência histórica de que a escravidão foi um negócio
do Estado brasileiro.

“Não há possibilidade nenhuma de caracterizar o ser humano que
realizava trabalhos forçados, em situações deploráveis, na condição de
escravo como propriedade protegida por lei. Dessa forma, a proposta não
será discutida no âmbito desta Casa”, disse Pimenta, parecendo ignorar
que o tráfico e o comércio eram negócios regidos por Leis do Estado,
como a Lei dos Sexagenários (Lei Saraiva/Cotegipe - 3270 de 1.885) que
fixava preços dos escravos em valores, sempre 25% menores para as
mulheres.

Nesta sexta-feira, Afropress localizou, no Rio, o jornalista autor da
proposta bizarra, para quem “os negros que aproveitem a liberdade
prevista na Lei, porém, o Estado deve pagar a conta”. O argumento é o
mesmo defendido por fazendeiros nos meses que antecederam à Abolição e
ressurge depois de 122 anos de vigência da Lei Áurea.

Movimento pela reparação negra

Nos anos 90 ganhou força o Movimento pelas Reparações dos
Afrodescendentes (MPR), que teve entre os seus líderes o jornalista
baiano Fernando Conceição. O movimento propunha que o Governo
indenizasse os 70 milhões de afrodescendentes brasileiros pelo crime
dos 350 anos de escravidão. Cada um receberia R$ 102 mil reais, à
época.

Lembrava-se que os judeus foram indenizados em milhões de dólares pela
Alemanha por terem sobrevivido a sete anos sob o nazismo.

Queima dos arquivos

O movimento para indenizar fazendeiros e senhores de escravos teria
sido, segundo os defensores do então ministro da Fazenda, Rui Barbosa,
em 1.891, já na República, o motivo determinante para a queima dos
arquivos da escravidão.

“Nada tenho contra os direitos dos negros. Quero apenas o
reconhecimento dos direitos dos proprietários. O Estado de S. Paulo,
por exemplo, foi arruinado pela Lei Áurea, porque ela aconteceu
exatamente no período da colheita do café. Houve um prejuízo enorme dos
produtores de café de S. Paulo. Seria a mesma coisa hoje que o Governo
mandar queimar todas as plantações de soja”, afirmou Banks, por
telefone, com ar sério de quem pretende recolocar o tema no debate
público.

Ele protestou contra a decisão de Pimenta de arquivar a proposta sem
debate na Comissão e disse que insistirá na defesa da idéia. “Não nos
foi dado o direito sequer de tentar defender nosso ponto de vista”.

Associação

Banks é o idealizador da insólita Associação que leva o seu próprio
nome responsável pela apresentação da proposta em nome de Waldemar
Annunciação Borges de Medeiros, que ocupa a presidência.

Trata-se de uma associação civil, sem fins lucrativos, com inscrição no
Registro Civil de Pessoas Jurídicas do Rio de Janeiro, sob o número
227.020 e inscrita no CNPJ sob o nº 09.296.442/0001-00 e sede
provisória na capital carioca.

Segundo ele, o quadro social da entidade – que funciona numa antiga
casa no espólio do avô – tem composição pluralista, com pessoas de
todas as religiões. “O atual presidente é umbandista, assim como outros
cinco fundadores. Há católicos, um adventista do sétimo dia, um
kardecista e também um Rosa Cruz”, acrescentou.

Projeto de Lei

Definindo-se como “técnicamente católico (batizado e crismado”,
“Niilista positivo e Ativo e discípulo de Nietzsche – o filósofo alemão
Friedrich Wilhelm Nietzsche (844-1900) – Banks disse que vai insistir na proposta e vai procurar
outros deputados componentes da CLP e pedir que recorram ao plenário.
“Se não obtivermos resultado por essa via, procuraremos algum deputado
federal ou senador que aceite encampar a iniciativa, e aprsente em nome
próprio o mesmo texto, na forma de Projeto de Lei Ordinária perante
alguma das Casas Legislativas do Congresso Nacional”, finalizou.

Fonte: Afropress
http://www.afropress.com/noticiasLer.asp?id=2183

Exibições: 266

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Comentário de sérgio luiz da silva em 1 maio 2010 às 22:12
Entreguem o chicote a esse feitor.
Comentário de anita de jesus costa em 1 maio 2010 às 11:08
Q Absudo,Quem escreveu etv, onde com a
cabeça.???? bjs Paulo bom final de semana.
Comentário de Amilton Santana em 30 abril 2010 às 22:26
Me parece necessário um cuidado especial para lidar com um indivíduo dessa natureza. Colocar os holofotes nele, de certa forma estaremos dando-lhe um destaque, divulgando-o. Sabemos que o nosso país tem uma parcela considerável da população que possui a (in)consciência formada pelas igrejas caça níqueis. As idéias desse abominável ser não são muito diferentes dos princípios religiosos defendidos pelos representantes da religião hegemônica(?) no nosso país. Neste espaço, Correio Nagô, podemos soltar o verbo e a emoção. Mas por aí a fora... muito cuidado é pouco. Vade retro Banks!!!
Comentário de Gilberto Araujo da Cruz em 30 abril 2010 às 19:18
MEU IRMÃO, NO RIO DE JANEIRO NÃO EXISTE ASILO PARA INTERNAR ESTE SEM NOÇÃO, ESTE LOUCO, SE NÃO FAÇAMOS O SEGUINTE: PROPOMOS A ELE QUE VIVA TRÊS MESES NAS MESMAS CONDIÇÕES QUE VIVIAM OS ESCRAVOS, SE ELE CONSEGUIR SOBREVIVER, VEREMOS O QUE ELE DIRA DA MALDITA LEI QUE ELE QUE RESSUCITAR, APÓS UMA BREVE REFLEXÃO, POIS PENSO EU QUE PARA CADA TIPO DE LOUCURA DEVE EXISTIR UM REMEDIO.
SÓ MESMO NO BRASIL.
DEVEMOS FAZER UM MOÇÃO ON LINE, DEMOSTRANDO O NOSSO REPÚDIO A ESTE ESCRAVOCRATA.
AH! UM POUCO DE SIMANCOL E BOM SENSO NÃO FAZ MAL A NINGUEM.
Comentário de Jorge Barreto dos Santos em 30 abril 2010 às 17:49
Esta criatura deve esta incorporado pela energia dos I.U.R.D. que são os verdadeiros SATANÁS.
É um kipuko esse fulano.
Comentário de Jorge Rodrigues da Conceição em 30 abril 2010 às 15:03
Simplesmente redicula a ideia, esse Sr. já deve estar com passagem comprada p/ o inferno...........
Comentário de Hamilton Lara em 30 abril 2010 às 14:49
Este cidadão nada mais é como tantos outros facistas de nossa sociedade, só que tem uma diferença mostrou a sua cara! Nos fortalece sabendo quem é, pois o Racismo Velado é o maior mal de nossa sociedade mãe nada Gentil chamada Brasil! Loucos somos poucos, mas a Besta como ele estã mostrando as unhas, depois o Garfop e logo após os Chifres! Hamilton Lara. Movimento Negro de Alvorada/RS
Comentário de Morgana em 30 abril 2010 às 13:41
Descabível, irresponsável e completamente sim noção. Meu Deus, será que isso vai ser levado adiante? NÃO É POSSIVEL!!!
Comentário de Márcio em 30 abril 2010 às 12:32
Esse fato seria cômico se não fosse trágico. Muita gente deve apoiar a ideia desse maluco.
Comentário de Adria Maria Bezerra Ferreira em 30 abril 2010 às 12:28
Vejam quem é o jornalista Eduardo Banks

O PASSEIO DA EXTREMA-DIREITA NAS ELEIÇÕES
Por Jurandir Aquino do Nascimento 06/10/2006 às 18:20


Candidato Eduardo Banks obtém 220 votos sem fazer campanha

O candidato Eduardo Banks


Todo mundo sabe que o silêncio das esquerdas abre caminho para o avanço da direita, como aconteceu na França, depois de uma larga abstenção do eleitorado permitir a ida do direitista Jean-Marie Le Pen ao 2º Turno das eleições presidenciais.


Tirando esse susto, ultrapassado pela esmagadora vitória de Jacques Chirac, a extrema-direita não tem conseguido grandes vitórias nas urnas, mas é preciso estar sempre de alerta.


Por exemplo, no Rio de Janeiro, o candidato a Deputado Federal Eduardo Banks (PTB), estreante na política e praticamente sem fazer campanha (somente distribuiu 50.000 ?santinhos? e apareceu duas vezes no horário eleitoral gratuito), obteve 220 votos usando o bordão ?adultério, sedução e rapto voltarão a ser crimes?. O resultado pode ser maior, já que os números definitivos não foram ainda divulgados pelo TRE-RJ, e o candidato deverá pedir a recontagem dos seus votos.


Isso significa que, além dele próprio, outras 220 pessoas (ou mais) querem que o Código Penal volte a permitir flagrantes contra quem for surpreendido ?com a mulher do próximo? ou ?fazendo mal? às ?meninas-moças?.


Católico praticante, Eduardo Banks é contra o direito das mulheres de fazer aborto, contra a união civil de homossexuais (que ele chama de ?pederastas?), e defende que as prostitutas sejam fichadas como criminosas, no mais puro estilo da TFP ? Tradição, Família e Propriedade. No ano passado surpreendeu ao impetrar habeas corpus na Justiça Federal para que o carrasco nazista Alois Brunner pudesse permanecer no Brasil. Ah, e ele assume que é mesmo ?um político de extrema-direita?, coisa quem nem Maluf e ACM têm a coragem de dizer.


A apatia da esquerda brasileira, mais interessada em polarizar-se contra o Partido dos Trabalhadores, permitiu a eleição ao Senado Federal do Presidente cassado Fernando Collor na vaga da senadora Heloísa Helena, que deixou de disputar a reeleição para tirar votos do Presidente Lula. Por uma diferença de 1,5%, Lula terá que ir ao 2º Turno contra o ?Picolé de Chuchu?, e, se vencer, ainda passará o segundo mandato convivendo com a presença de Collor no outro lado da Praça dos Três Poderes.


A esquerda também é culpada pela votação do candidato Eduardo Banks, que, sem esforço nenhum, consegue um eleitorado maior que o de muitos companheiros de luta, que de sua militância sindical não tiraram sequer 100 votos.


Eduardo Banks deve candidatar-se a vereador em 2008. Se a esquerda ficar de braços cruzados, talvez acabe governada por ele. Aí, será tarde.


Saudações marxistas e libertárias,



Jurandir Aquino do Nascimento - PCB-RJ

Email:: magoaquino@gmail.com
URL:: http://


>>Adicione um comentário


Comentários



vai pro trono ou nao vai ?
tiburcio henrique 07/10/2006 00:12


Pela cadeira nota-se que o cara quer ser mesmo é rei - bispo - cardeal um negocio pompa e circustancia deste. Devia se chamar Eduardo Tronus e nao Banks.



BANKS e LE PEN - DOIS ARAUTOS DA EXTREMA-DIREITA
Brasileira 08/03/2007 19:51


Eu li o programa de governo do candidato Eduardo Banks; ele praticamente traduziu do francês o programa do Jean-Marie Le Pen e adaptou à realidade brasileira. Se tivesse sido eleito, hoje estaria fazendo discursos na Tribuna da Câmara dos Deputados contra os Direitos das mulheres, e apresentando projetos de lei contra o aborto, o divórcio e a prostituição. Eduardo Banks dizia ser contra o divórcio e prometia envidar esforços para restaurar o casamento indissolúvel no Brasil.

Eduardo Banks é, no Brasil, o maior representante da extrema-direita religiosa e ultra-conservadora. Ele transplantou para nossa terra os ideais de Le Pen e George W. Bush, de quem se afirma admirador e aliado político.

Aproveitando-se de que, no Brasil, ninguém tem cojones de afirmar-se como pertencente à direita, Banks tomou impulso com o vácuo de representatividade entre os conservadores para impor-se como liderança de extrema-direita.



where is this bigqueen picture
ribeiro 17/04/2007 23:55


I wondering if I could see this bigqueen picture.



Que medo
Eduardo Fonseca 05/02/2008 06:51


Cruzes, só de olhar pra cara do cidadão na foto me dá um medo... Se eu vê-lo numa penumbra, encho de bordoada e fujo como o vento.

Ainda que ache este artigo "opinatório" demais (isto é, que emite uma opinião já pronta sobre o assunto - adoro inventar palavras), concordo com cada palavra dele.

Vocês deviam enquadrar esta foto num formato grande e pendurar em cima da lareira, com moldura estilo barroco. Mal-assombrado.



Tomara que ele ganhe!
Júlio 19/07/2009 18:43


Tomara que ele ganhe! Precisamos de políticos de extrema-direita no Brasil. O Brasil só tem políticos de esquerda e o que se vê é corrupção, degradação da sociedade, governo financiando manifestações homossexuais etc.



PCBista não fala coisa com coisa
Lógico 01/08/2009 01:13


Saudações MARXISTAS E LIBERTÁRIAS?????

Não existe. Ou é uma coisa ou é outra.

Ou você é:

1) marxista e a favor de DITADURA (supostamente do proletariado)

2) ou é libertário e CONTRÁRIO à qualquer ditadura.

Ser as duas coisas não dá. É quadrado redondo - não existe.

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2019   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço