Lançamento da plataforma colaborativa do documentário "freenet?" + 10 anos de Creative Commons


Na noite de sábado, dia 15 de dezembro, como parte da programação do Global Congress on IP and Public Interest, maior evento internacional de propriedade intelectual de todo o mundo, pesquisadores, acadêmicos e artistas de audio-visual estarão reunidos para a festa de lançamento da plataforma do documentário colaborativo "freenet?".
freenet? é uma iniciativa conjunta de quatro organizações da sociedade civil brasileira: Centro de Tecnologia e Sociedade da Fundação Getúlio Vargas - CTS/FGV, Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor - IDEC, Instituto Nupef e Intervozes. O objetivo é traduzir a complexidade dos debates da governança da internet para a linguagem audio-visual, engajando usuários no debate por meio de uma plataforma online (www.freenetfilm.org) no processo criativo de elaboração do roteiro de um longa sobre o futuro das liberdades na rede. São temas em debate: direito de acesso à conexão, acesso ao conteúdo, liberdade de expressão, privacidade e neutralidade da rede. O enfoque é internacional e tanto a plataforma, como os filmes do projeto, são produzidos em três línguas: inglês, espanhol e portugues.

Mesmo antes do lançamento da plataforma colaborativa, o projeto já esteve em destaque nas redes, quando lançou um filmete colaborativo sobre a polêmica do Marco Civil da Internet e a neutralidade da rede:http://www.youtube.com/watch?v=oIRnRhrpCDE. Embora o tema seja complexo, em poucas horas o videozinho já teve mais de mil visualizações.

Como todos os filmes realizados no âmbito do freenet são licenciados em creative commons, a festa também entra na lista de celebrações internacionais do aniversário de 10 anos do CC no mundo. Compõe a mesa do Creative Commons: Michael Carrol, membro fundador do Creative Commons; Ronaldo Lemos, responsável por trazer o CC para o Brasill, além de representantes do CC na América Latina, como o chileno, Claudio Ruiz e a colombiana Carolina Botero. 

Na mesa do freenet participam toda a equipe executiva do projeto: Joana Varon, coordenadora do projeto, co-diretora e pesquisadora do CTS/FGV; Naor Elimelech, diretor dos filmetes; Carlos Afonso, diretor do Nupef e representante da sociedade civil no Comitê Gestor da Internet; Veridiana Alimonti, pesquisadora do IDEC e única representante mulher no CGI; João Brant, diretor do Intervozes; Ronaldo Lemos, diretor do CTS/FGV; Graciela Selaimen, coordenadora de projetos do Nupef; Pedro Caribé, membro do intervozes e Mauro Porto, representante da Fundação Ford. A mesa será pautada pela exibição de filmetes de 2 minutos sobre os eixos temáticos do projeto. Depois das duas mesas, o evento vira uma festa para convidados, com som de Quito, dj do coletivo Nuvem, do Radio Guidance e do grupo Von Chaos. As projeções e artes visuais ficam por conta do designer austríaco que há anos se erradicou no Brasil trabalhando nas festas do The Edge, Gerfried Gaulhofer. 
Quem governa a rede? Com quais interesses? Quem garante que todo cidadão tenha acesso a uma conexão rápida e de qualidade? Será que somos mesmo livres para acessar conteúdos? Para nos expressar? Ou manter nossa privacidade? A forma como podemos utilizar a Internet é resultado de escolhas técnicas, políticas e sociais. Essas questões estão sendo decididas, principalmente, por governos e empresas, na maioria das vezes, sem a opinião do usuário. O exercício dos nossos direitos na Internet está sob ameaça. freenet? é um chamado para que usuários da rede em todo o mundo enfrentem essas questões: um filme sobre a rede, feito em colaboração com a rede.

Contato: 

contact@freenetfilm.org // 

www.freenetfilm.org
@freenetfilm

https://www.facebook.com/FreenetFilm

http://www.youtube.com/FreenetFilm

Exibições: 104

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2019   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço