Mídia Étnica participa de lançamento de documentário sobre Gilberto Gil

Instituto criador do Portal Correio Nagô, uma plataforma de notícias voltada para afrodescendentes, participou das gravações do filme e aproveita a data para lançar o novo layout do portal

Redação Correio Nagô - O Instituto Mídia Étnica (IME) vai participar neste domingo (6)  do lançamento de um documentário sobre o cantor e compositor Gilberto Gil durante o prestigiado Festival do Rio. Batizado de Viramundo, o filme do diretor suíço Pierre-Yves Borgeaud retrata uma viagem musical pelo hemisfério Sul que começa na Bahia e tem Gil como guia.

O documentário retrata as recentes transformações globais em comunidades socialmente excluídas possibilitadas pelo uso das novas tecnologias de comunicação. Além da Bahia, Gil passa pela Austrália, África do Sul e a Amazônia brasileira. Nessas etapas, o artista tem diversos encontros musicais e proseia com vários personagens.

Em Salvador, durante as gravações, além de mostrar o cantor com o  Filhos de Ghandy, a sacerdotiza Makota Valdina e o grupo de rap Nova Saga, o filme exibe ainda uma conversa de Gil com o grupo de jovens comunicadores negros que formam o IME e realizam trabalhos com tecnologia desde 2005, justamente o tema central do documentário.

Durante o encontro com o IME, a conversa com os integrantes do grupo girou em torno de diversos temas como juventude, cultura digital, hackers, carnaval e panafricanismo.  Confira as exibições do filme - http://www.festivaldorio.com.br/br/filmes/viramundo

Estreia – A data de lançamento do documentário terá ainda mais um significado especial para o IME. Neste dia, será lançado ao público o novo layout do Portal Correio Nagô (www.correionago.com.br), uma plataforma de notícias voltada para a cobertura de assuntos relacionados a comunidade negra brasileira.

“Todo o site foi repaginado com um design mais amigável, contando agora com rádio e TV web. Além disso, passamos também a contar com o sistema Vojo, tecnologia pioneira  que vai possibilitar que pessoas que não tem acesso a internet possam mandar conteúdo para a nossa plataforma." afirma Paulo Rogério Nunes, diretor executivo do Instituto Mídia Étnica.

Sistema - O Vojo é um sistema que permite qualquer pessoa enviar reportagens para a Internet por telefone mesmo que esta pessoa não tenha um smartphone.  A tecnologia, desenvolvida pelo Center for Civic Media do MIT, está sendo usada de maneira pioneira  na América do Sul pelo Instituto Mídia Étnica e o portal Correio Nagô. O projeto piloto foi realizado com jovens quilombolas da Ilha de Maré, em Salvador.

Com essa tecnologia por meio de um número telefônico, até mesmo de um telefone público, qualquer pessoa pode produzir conteúdo para o Correio Nagô. A ferramenta é ideal para ser usada em comunidades quilombolas, indígenas, trabalhadores rurais e áreas onde o sistema de internet comercial  ainda não chegou em sua totalidade.

Exibições: 775

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Comentário de Sonia Rodrigues da Penha em 5 outubro 2013 às 10:04

Muito bom!!! Muito bom!!! ...

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2020   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço