“Sala de aula não é templo de Candomblé nem igreja”, diz Makota Valdina

A fala da líder religiosa do Candomblé, Makota Valdina Pinto, traduz um dos reais sentidos acerca do ensino de história afro-brasileira e indígena.

Leia mais: https://goo.gl/54OvKC

Exibições: 178

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

© 2017   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço