Identidades etnográficas compõem registros do fotógrafo Tacun Lecy, que lança site próprio amanhã em Salvador

Lançamento contará com mostra fotográfica e distribuição de fotografias e livros sobre candomblé nagô e comunidades quilombolas

“Nossa memória só é feita de fotografias”, W.E.B. Du Bois.A célebre frase do sociólogo norte-americano simplifica a essência do trabalho do premiado fotógrafo Tacun Lecy, que no próximo dia 06 de agosto (terça-feira) lança site próprio (www.tacunlecy.com.br), com espaço dedicado à arte de reter ideias, sensações e impressões. O lançamento da plataforma será na Galeria Mestre Abdias (Instituto Mauá – Pelourinho), a partir das 18h20 com a realização de mostra fotográfica com trabalhos do artista. Na ocasião, haverá também um coquetel com a presença de convidados e distribuição de fotografias e exemplares do livro “Conversa Quilombola – Artesanato e Tradição do Quilombo de Campo Grande”, que contém fotos do artista.

A fotografia de Tacun Lecy, que é baseada no gênero documental, ou seja, trabalha no registro cultural ou artístico de um momento, foi premiado em segundo lugar, dentre os mais de quatro mil fotógrafos inscritos, no Concurso Cultural "Fotografe o Brasil". A obra do artista é essencialmente voltada para as pesquisas etnográficas realizadas pelo fotógrafo com enfoque no candomblé nagô e nas comunidades quilombolas. Com o lançamento do site, Tacun Lecy objetiva ampliar o acesso e visibilidade da memória destes dois importantes símbolos da identidade afro-brasileira.

“A publicação deste site marca uma nova etapa na minha carreira como fotógrafo documental, onde poderei mostrar, da melhor forma possível, elementos particulares da minha produção fotográfica, especialmente os que enfocam os objetos principais das minhas pesquisas etnográficas” destaca o fotógrafo.

 

Quilombo Barra

Trajetória

Tacun Lecy, que no registro civil chama-se Daniel Santiago da Silva Oliveira, tem 35 anos e é pai de dois filhos (Dener e Larissa). O nome Tacun Lecy foi dado no candomblé, pelo Orixá Odé (Oxóssi) – de quem é filho –, em 2009 durante cerimônia no Terreiro Raiz de Ayrá (São Félix, Bahia), casa de axé onde exerce o cargo de Axogun. 

A carreira de fotógrafo profissional começou em 2009 e desde então o artista tem conquistado notoriedade por suas fotografias com forte expressão das identidades afro-brasileiras: duas delas foram publicadas no site da National Geographic, edições de fevereiro e junho de 2013. Também foi finalista do 19º Concurso de Fotografia Documental "Los Trabajos Y Los Días", maio de 2013, Medellín, Colômbia (com 4.554 fotografias inscritas e 1.003 fotógrafos procedentes de 30 países).

Além dos prêmios e reconhecimentos, as fotografias do artista compõem a exposição "Cidade Histórica: Uma Cachoeira de Emoções", lançada em setembro de 2009, em Salvador, e o livro "Conversa Quilombola – Artesanato e Tradição do Quilombo de Campo Grande", publicado em 2012, pelo Instituto Mauá.  O artista, além de apresentar um rico trabalho na arte da fotografia, também é cantor e trabalha no Instituto Mauá como fotógrafo e assessor técnico.

 

Yá Kecy do Terreiro Raiz de Ayrá

SERVIÇO:

Lançamento do Website do Fotógrafo Tacun Lecy | www.tacunlecy.com.br

Data: 06 de agosto de 2013 (terça-feira)

Local: Galeria Mestre Abdias (Instituto Mauá)

Endereço: Rua Gregório de Matos, 27, Pelourinho

Programação:

18h20 – Abertura do Evento

18h30 – Coquetel de Lançamento

19h – Lançamento do Website

Apoio Cultural: Instituto de Artesanato Visconde de Mauá | Objetiva

CONTATOS:

Tacun Lecy:

Telefones: +55 71 9215-1277 | +55 71 81862260

E-mail: contato@tacunlecy.com.br

 

Exibições: 567

Comentar

Você precisa ser um membro de Correio Nagô para adicionar comentários!

Entrar em Correio Nagô

Translation:

Publicidade

Baixe o App do Correio Nagô na Apple Store.

Correio Nagô - iN4P Inc.

Rádio ONU

Sobre

© 2018   Criado por ERIC ROBERT.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço